17 de jan de 2012

O BRASIL PRECISA CORRER SE QUISER VIRAR PLATAFORMA DE PRODUÇÃO E EXPORTAÇÃO DO AAKASH

O tablet indiano Aakash, de apenas 45 dólares, vendeu um milhão e quatrocentas mil unidades em apenas 15 dias. Independente dos projetos do BNDES com a Foxconn chinesa, está passando da hora de o governo fazer, ou patrocinar, acordo ou uma joint-venture com fabricantes indianos de tablets de baixo custo, como a Datawind, que fabrica o Aakash, e a Classteacher Learning Systems, que fabrica o Classpad, de uso educacional, para tornar o Brasil produtor e exportador desses artigos para a América Latina. Não podemos continuar trabalhando com a defasagem de anos e anos em áreas estratégicas. Para se ter uma idéia da velocidade com que as coisas estão ocorrendo na Índia, os fabricantes do Aashkash, apenas duas semanas depois de lançar o produto, resolveram construir mais três fábricas para produzi-lo, e elas entrarão em funcionamento dentro de apenas três meses, em abril de 2012.

Este texto foi publicado também nos seguinte sites:

http://www.alagoasdiario.com.br/brasil/6513.html

http://gilsonsampaio.blogspot.com/2012/01/o-tablet-indiano-aakash-de-apenas-45.html

http://trashsociety.blogspot.com/2012/01/o-brasil-precisa-correr-se-quiser-virar.html

http://antonioassiss.blogspot.com/2012/01/o-brasil-precisa-correr-se-quiser-virar.html


Nenhum comentário: