3 de jan de 2016

A OPOSIÇÃO E OS "SALVADORES DA PÁTRIA".




As divulgação de "acusações" de delatores “premiados” contra os senadores Renan Calheiros, Randolfe Rodrigues, Fernando Collor e Aécio Neves vêm corroborar o que afirmamos recentemente em O impeachment, a antipolítica e a judicialização do Estado

A criminalização da política, na tentativa e na pressa de retirar o PT do Palácio do Planalto por outros meios que não os eleitorais, iria descambar para a condenação, paulatina, geral e irrestrita, da atividade como um todo.

Esse é um processo que parece estar focado, além de, principalmente, no PT, também nos partidos ou candidatos que possam fazer sombra, no campo adversário ao do governo, ao projeto messiânico de um “novo Brasil” que está sendo engendrado à sombra da ambição e do deslumbramento das forças surgidas da “guerra contra a corrupção” e da “Operação Lava-Jato”.

A entrevista da semana passada, com o procurador Deltan Dalagnoll, na primeira página do Correio Braziliense  e a capa da retrospectiva de Veja, com a cara fechada do Juiz Sérgio Moro, com o título de “Ele salvou o ano” (a segunda, se não nos enganamos) que - será por mera coincidência? - lembra a capa da mesma revista com o rosto de Fernando Collor, com o título de “O caçador de Marajás”, publicada muito antes de ele anunciar-se candidato a presidente da República – são emblemáticas do que pode vir a ocorrer - do ponto de vista midiático - nos próximos três anos.


Só os cegos, os surdos, ou os ingênuos, não estão entendendo para que lado começa a soprar - quase como brisa - o vento - ou melhor, para tocar que tipo de música está começando a se preparar a banda.


6 comentários:

Anônimo disse...

As esquerdas têm que reagir rapidamente a esse messianismo de direita que vem tramando assaltar do poder legalmente constituído e satanizar a atividade política, utilizando-se da desculpa de "combate à corrupção". Venho pensando e comentando com amigos que esse grupo pretende instaurar um retrocesso gigantesco em nossa sociedade e que só será vencedor sob uma opressão jamais vista. Só um estado policial, de viés fascista, será capaz de sustentar o que pretendem. Esperam, com certeza, a eleição do facínora Trump, ao Norte, para assentar, aqui, as bases de uma dependência ainda mais servil. Os que prezam a liberdade devem reagir vigorosamente a esse desatino. Grato por sua atenção, Marco Aurélio

Anônimo disse...

Caro Mauro,
Esse juizinho de merda que vez cursinho no departamento de estado NA.nao passa de uma ferramenta para destruir as estatais brasileiras,
o que ja fez em grande parte.so mais um servical como os outros infiltrados na pf Mp stf congresso e talvez no executivo....

abracos,
titus,

feliz 2016

Armando disse...

Neste artigo me chamou a atenção a conceituação de "antipolítica" como instrumento da desmontagem da democracia pelo desequilíbrio entre os Poderes. Valeu

Nildo Cabral disse...

Um sistema há séculos carcomido... sinais dos tempos... nem a elite consegue defender... salvo quando propõe o impeachment.

John. Jahnes. disse...

Vaticano estuda milagre do desaparecimento da denúncia contra Aécio dos jornais

http://sensacionalista.uol.com.br/2016/01/05/vaticano-estuda-milagre-do-desaparecimento-da-denuncia-contra-aecio-dos-jornais/

Um grupo de investigadores ligados à Cúria Romana está analisando um milagre acontecido recentemente em terras brasileiras.
Os representantes do Vaticano estão estudando o desaparecimento misterioso de uma denúncia contra Aécio Neves das páginas dos jornais.
Segundo delação do doleiro Alberto Youssef e do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, Aécio teria recebido propina oriunda de recursos desviados da Petrobras e de Furnas.
A notícia foi divulgada em diversos veículos de comunicação do mundo, mas no Brasil ela acabou desaparecendo milagrosamente durante os festejos de fim de ano.
Os investigadores do Vaticano estão avaliando se devem promover uma beatificação coletiva entre as empresas jornalísticas brasileiras ou se canonizam Aécio Neves logo de uma vez.

John. Jahnes. disse...

"ELE SALVOU O TUCANO"
Seria essa a manchete e eles comeral o TUC.
.
O EX-PRESIDENTE DO GOVERNO MAIS CORRUPTO DE TODOS OS TEMPOS NO BRASIL, O FHC: "'"N"Ã"O"""V"E"M"""A"O"""C"A"S"O"""
A MÍDIA TUCANA É TÃO CORRUPTA QUANTO SÃO OS TUCANOS E POR ISSO SE PROTEGEM MUTUAMENTE.