19 de out de 2011

OU CAEM OS JUROS OU VOLTAMOS AO ATRASO.

O Brasil registra uma das mais fortes tendências de desaceleração econômica entre os principais países desenvolvidos e emergentes, segundo relatório mensal da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). O chamado Indicador Composto Avançado (ICA) da OCDE aponta as tendências econômicas para os próximos seis meses. Pelo quinto mês consecutivo, o Brasil ficou abaixo do nível de 100 pontos, utilizado como referência para classificar a atividade econômica. Os países que sofreram queda em relação ao último estudo e ficaram abaixo de 100 pontos recebem a classificação de "desaceleração".

É preciso ver se a opinião da OCDE, organização tão ao gosto dos nossos “analistas” e do “mercado”, será levada em consideração na próxima reunião do COPOM - na hora de reduzir a taxa SELIC e não dar atenção às críticas dos abutres de plantão.

Este texto foi publicado também nos seguintes sites:

http://contextolivre.blogspot.com/2011/10/ou-caem-os-juros-ou-voltamos-ao-atraso.html

http://www.sindireceita.org.br/2011/10/19/ou-caem-os-juros-ou-voltamos-ao-atraso/

http://www.sindireceita.org.br/tag/politica-fiscal/

http://gilsonsampaio.blogspot.com/2011/10/ou-caem-os-juros-ou-voltamos-ao-atraso.html

Nenhum comentário: